Automotive Business
Siga-nos em:

Notícias

Ver todas as notícias
Jaguar Land Rover trabalha em carros autônomos para todos os terrenos

Tecnologia | 30/05/2018 | 18h36

Jaguar Land Rover trabalha em carros autônomos para todos os terrenos

Projeto Cortex vai desenvolver veículos capazes de circular em qualquer condição de clima ou estrada

REDAÇÃO AB

A Jaguar Land Rover quer desenvolver carros autônomos capazes de rodar em qualquer condição de clima ou estrada, incluindo terra, chuva, neve ou neblina. Para isso a companhia inaugura o projeto Cortex, que recebe investimento de 3,7 milhões de libras esterlinas (cerca de 4,9 milhões de dólares). O desenvolvimento usa técnica 5D, que combina dados captados por câmeras, radares e ainda informações acústicas, de luzes e de distância. A ideia é que o automóvel combine estas informações e calcule todos os movimentos em tempo real.

O sistema de inteligência artificial com aprendizado da máquina pretende garantir que a condução fique cada vez mais sofisticada, acumulando informações sobre cada condição climática e terreno. “É importante desenvolver nossos veículos autônomos com a mesma capacidade e desempenho que os clientes esperam de todos os carros da nossa gama”, observa Chris Holmes, gerente de pesquisa de veículos autônomos e conectados, em comunicado distribuído pela companhia. Segundo ele, a ideia é explorar os limites da inovação nessa área.

O projeto Cortex vai avançar com o desenvolvimento de software e algoritmos e testes em pistas off-road no Reino Unido. Entre os parceiros da iniciativa estão a Universidade de Birmingham e a Myrtle AI, empresa especializada em aprendizado de máquina.



Tags: Jaguar Land Rover, projeto Cortex, carro autônomo.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência