Automotive Business
Siga-nos em:

Notícias

Ver todas as notícias
Toyota comemora 500 mil Etios fabricados em Sorocaba
Além do Etios (foto), a Toyota de Sorocaba já produz o Yaris, que será lançado em junho

Indústria | 22/05/2018 | 15h53

Toyota comemora 500 mil Etios fabricados em Sorocaba

Modelo tornou-se o mais vendido da marca no Brasil em 2017 e em 2018 cresceu 5,2%

REDAÇÃO AB

A Toyota do Brasil atingiu neste mês a produção de 500 mil unidades do Etios, modelo fabricado em Sorocaba (SP) em versões hatch e sedã. O carro que alcançou o meio milhão de unidades, um XLS prata, foi mostrado durante cerimônia a Steve St.Angelo, CEO da Toyota para América Latina e Caribe e Chairman da Toyota do Brasil, Argentina e Venezuela, e também a Rafael Chang, presidente da Toyota do Brasil e da Venezuela, entre outros executivos.

O Etios tornou-se o carro mais vendido pela Toyota no Brasil em 2017. No ano passado superou a marca de 70 mil unidades vendidas na soma das duas opções de carroceria. Foi o melhor ano do modelo desde o lançamento, em 2012.

No primeiro quadrimestre de 2018 o carro registrou aumento de 5,2% nas vendas internas em relação ao mesmo período do ano anterior, com 23,8 mil unidades no período. O Etios brasileiro também é exportado para Argentina, Paraguai, Uruguai, Peru, Costa Rica e Honduras. Segundo a Toyota, 35% das unidades produzidas em Sorocaba no ano passado seguiram para o mercado externo.

A linha 2019 está à venda desde março deste ano (veja aqui). Tem sete versões para o hatch e outras sete para o sedã.


Comemoração pelos 500 mil Etios reuniu funcionários da fábrica de Sorocaba, inaugurada em 2012



Tags: Toyota, Etios, Steve St.Angelo, Rafael Chang.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência