Automotive Business
Siga-nos em:

Notícias

Ver todas as notícias
Grupo VW reestrutura conselho e Herbert Diess é o novo presidente
Müller (esq.) deixa o Grupo VW e Diess assume o conselho de administração

Internacional | 12/04/2018 | 19h34

Grupo VW reestrutura conselho e Herbert Diess é o novo presidente

Ele substitui Matthias Müller; empresa também cria novas divisões Volume, Premium e Super Premium

REDAÇÃO AB

O conselho de administração do Grupo Volkswagen definiu em reunião realizada na quinta-feira, 12, a revisão de sua estrutura, o que incluiu a saída de seu presidente, Matthias Müller, conforme havia adiantado a agência Reuters na última terça-feira, 10 (leia aqui). Os conselheiros confirmaram Herbert Diess, CEO da marca Volkswagen, como o novo presidente do conselho do grupo. Em comunicado, a empresa informa que Müller renunciou ao cargo em acordo mútuo, embora a VW não tenha esclarecido a razão da saída do executivo dois anos antes do fim de seu contrato. Müller assumiu o comando da companhia logo após a saída de Martin Winterkorn, em setembro de 2015, quando estourou o escândalo batizado dieselgate.

“Müller realizou um excelente trabalho. Assumiu a presidência quando a companhia enfrentou o maior desafio de sua história. Não só ele dirigiu a Volkswagen com segurança durante aquele tempo, mas o fez com toda a sua equipe. Ele também realinhou fundamentalmente a estratégia do grupo, iniciou uma mudança cultural e, com grande comprometimento pessoal, garantiu que o grupo não apenas permanecesse nos trilhos, mas agora estivesse mais robusto do que nunca”, declarou em nota o presidente do conselho de supervisão, Hans Dieter Pötsch.

Como parte das mudanças nas alta direção da companhia, foram criadas três novas divisões: Volume, Premium e Super Premium, que vão reunir as marcas do grupo de acordo com a categoria de cada uma. Também foi confirmada a separação da divisão e veículos comerciais VW Truck & Bus, que se transforma em empresa independente e deverá lançar ações próprias no mercado de capitais.

Sob a nova estrutura, Diess, além de presidente do conselho do Grupo VW, vai dirigir a divisão Volume e será o responsável por pesquisa e desenvolvimento (P&D), que inclui a área responsável pelo desenvolvimento de tecnologias de conectividade para veículos. Frank Witter, CFO do grupo, também cuidará da área de TI. Rupert Stadler, presidente do conselho da Audi, acumula a direção da divisão Premium e comandará as vendas de todo o grupo. Por sua vez, Oliver Blume, presidente do conselho da Porsche, será o cabeça da divisão Super Premium, além de assumir responsabilidade pela produção do Grupo VW, do qual passa a fazer parte do conselho de administração.

No comunicado, a VW informa ainda que as áreas de compras e componentes próprios serão fundidas em uma única área de atuação. O membro do conselho e responsável por compras no grupo, Francisco Javier Garcia Sanz, deixou a empresa a pedido. Em seu lugar, Ralf Brandstätter, atual chefe de suprimentos da marca Volkswagen, acumulará o cargo de forma provisória. Vale lembrar que a área de componentes do grupo é hoje liderada por Thomas Schmall, que assumiu o cargo após deixar a presidência da Volkswagen do Brasil, em novembro de 2014 (leia aqui).

Na reunião, o conselho de supervisão definiu que além de Blume, da Porsche, Gunnar Kilian, que até agora ocupava o cargo de secretário-geral do conselho de trabalhadores do grupo, também fará parte do conselho de administração como responsável pela área de recursos humanos, no lugar de Karlheinz Blessing, que deixa o assento de conselheiro mas permanece na companhia como consultor até o fim de seu contrato.

“O Grupo Volkswagen é uma união de marcas fortes e com grande potencial. Matthias Müller lançou as bases para a nossa transformação. A minha tarefa mais importante agora será unir a nossa equipe de gestão à nossa força de trabalho do grupo para buscar e impulsionar consistentemente a nossa evolução como um provedor líder e lucrativo de mobilidade sustentável. Em uma fase de profunda reviravolta na indústria automotiva, é vital que a Volkswagen atinja velocidade e se faça uma marca inconfundível na mobilidade eletrônica, na digitalização do automóvel e no transporte, bem como nos novos serviços de mobilidade”, disse Diess em nota.

Tags: VW, Volkswagen, conselho, presidente, Matthias Müller, Herbert Diess.


Comentários

  • Mauro

    Tenhobastante interesse nas notícias do Automotive News por ser concessionário de automóveis

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.
AB Inteligência