Automotive Business
Siga-nos em:

Notícias

Ver todas as notícias

Negócios | 09/03/2018 | 19h34

Dana compra divisão automotiva da GKN

Com o negócio, é criada a Dana Plc, uma das maiores do mundo em sistemas de eixos e tração veicular

REDAÇÃO AB

A fabricante de eixos Dana anunciou na sexta-feira, 9, a assinatura de acordos definitivos para a compra do controle acionário da divisão automotiva da britânica GKN, dedicada a componentes para sistemas de tração. Com o negócio, é criada a empresa combinada Dana Plc., da qual os acionistas da Dana serão proprietários com 52,75% das ações e os acionistas da GKN Plc com 47,25%. O negócio envolve cifra de US$ 1,6 bilhão em receitas do caixa para a GKN plc e cerca de US$ 1 bilhão de passivos líquidos de fundo de pensão, além de 133 milhões de novas ações da Dana Plc emitidas para os acionistas da GKN, avaliadas em US$ 3,5 bilhões. Com isso, o negócio movimenta o total de US$ 6,1 bilhões (equivalente a R$ 20 bilhões). Com a aquisição, a empresa passa a liderar o segmento de sistemas de tração e acionamento de veículos no mundo. As vendas da GKN Driveline e da Dana somaram US$ 13,4 bilhões em 2017.

Além do financiamento para pagamento da dívida, a Dana emitirá 133 milhões de ações da Dana Plc para os acionistas da GKN, como forma de consumar a transação. Ficou acordado também que a nova empresa terá sede fiscal no Reino Unido (onde já está a sede da GKN Plc) e suas ações serão negociadas em Wall Street, Estados Unidos, como DAN. Ainda sujeita às aprovações regulatórias, a Dana espera concluir a transação no segundo semestre deste ano.

Segundo o comunicado, a nova empresa combinada Dana Plc deverá gerar o equivalente a US$ 235 milhões em sinergias de custos anuais em três anos.

“Esta transação transformadora e estratégica solidifica a Dana como líder mundial em sistemas de tração de veículos e estabelece uma posição de liderança na propulsão elétrica, que vemos como o futuro dos drivetrains dos veículos”, declara o presidente e CEO da Dana James Kamsickas. “Temos uma longa história de parceria com a GKN e as empresas possuem culturas semelhantes. Nossos negócios altamente complementares compartilham uma compreensão profunda dos requisitos de longo prazo dos nossos clientes”, completou.

Com a aquisição, a Dana vislumbra ampliar a escala de seu portfólio para os segmentos de veículos leves e comerciais pesados, incluindo os fora-de-estrada, além de expandir e fortalecer sua atuação com seu portfólio Core eDrive, para tração de veículos elétricos. Para isso, a nova empresa fornecerá cobertura global para todos os principais clientes e reforçar sua presença em mercados-chave como a China.

Os negócios serão beneficiados pela expertise da GKN Driveline, que se especializou em três segmentos de produtos de veículos leves: eixos de tração articulada de velocidade constante, sistemas de tração integral e soluções para tração e transmissão eletrificada, com experiência em sistemas mecânicos, controle eletrônico e de software e integração de veículos. A transação também inclui o negócio Off-Highway Powertrain Services da GKN, especialista em entrega e serviço de energia para veículos offroad.

Com cerca de 35 mil funcionários em todo o mundo, a GKN Driveline está presente em 23 países e tem 61 fábricas no total, incluindo a joint venture que mantém na China, a Shanghai GKN Huayu Driveline Systems (conhecida como SDS). No ano passado, o negócio gerou vendas consolidadas de aproximadamente US$ 6,2 bilhões.



Tags: Dana, GKN, negócio, eixos.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência