Automotive Business
Siga-nos em:

Notícias

Ver todas as notícias
Renault Kwid nacional é mais seguro que versão indiana

Segurança | 16/11/2017 | 13h58

Renault Kwid nacional é mais seguro que versão indiana

Modelo leva 3 estrelas em teste do Latin NCAP e fica à frente de Ka e Onix

REDAÇÃO AB

O compacto Renault Kwid foi o modelo testado na sétima bateria de testes realizados neste ano pelo Latin NCAP, Programa de Avaliação de Veículos Novos para a América Latina e Caribe. Os resultados divulgados na quinta-feira, 16 (veja vídeo abaixo), comprovaram que o modelo fabricado no Brasil, que possui quatro airbags de série, apresentou segurança superior em comparação com sua versão produzida na Índia, que em 2016 aferiu zero estrela para proteção de adultos, uma vez que o Kwid indiano mais básico é oferecido sem airbags (leia aqui).

Na avaliação da versão brasileira, o Kwid conseguiu 3 das 5 estrelas possíveis na escala de segurança, tanto para adulto quanto para crianças, ficando assim melhor colocado do que concorrentes nacionais já testados pelo Latin NCAP como Ford Ka e Chevrolet Onix. Para alcançar a nota máxima de cinco estrelas, no entanto, ainda faltam outros recursos no Kwid exigidos pelo Latin NCAP, como o ESC (controle eletrônico de estabilidade) de série nas versões mais vendidas do veículo.

Foram feitos testes de colisão de batidas de impacto frontal e lateral. Segundo o relatório do Latin NCAP, o modelo mostrou proteção frontal adequada, embora a proteção no peito do adulto no quesito proteção marginal contra impactos laterais tenha sido considerada fraca, mas suficiente para alcançar as três estrelas.

No impacto lateral, a estrutura do Kwid evitou atravessar, de forma excessiva, a barreira de impacto lateral que, combinado com o airbag do tórax lateral, conseguiu manter as lesões dos adultos abaixo de níveis de alta probabilidade de risco de morte. Os ocupantes infantis tiveram proteção adequada nos testes de impacto frontal e lateral, devido aos sistemas de ancoragem Isofix e Top Tether. O modelo oferece ancoragem padrão do Isofix, mas não conta com interruptor para desativar o airbag frontal do passageiro caso seja necessário instalar um sistema de retenção infantil (SRI) com a criança olhando para trás. Para o Latin NCAP, este item e a falta de cintos de três pontos em todas as posições explicam a qualificação de três estrelas para a proteção infantil.

O teste do Renault Kwid foi patrocinado, isto é, a própria montadora ofereceu o carro para o crash test. Conforme as regras de patrocínio, o carro é escolhido aleatoriamente por representante do Latin NCAP e a fabricante arca com os custos.

“O mercado está reagindo antes e além dos requisitos governamentais. O Latin NCAP faz chamado a todos os governos da América Latina e do Caribe para que eles adotem, de forma urgente, os padrões de teste de impacto frontal e lateral da ONU, o controle de estabilidade (ESC) e os requisitos de proteção de pedestres. Enquanto isso, solicitamos que os testes do Latin NCAP sejam obrigatórios para todos os modelos do mercado, permitindo aos consumidores contar com informação clara sobre a segurança oferecida pelo carro que planejam comprar”, declarou o secretário geral do Latin NCAP, Alejandro Furas.

“Esse resultado é outro claro exemplo da força da voz dos consumidores e demonstra que os clientes estão levando em conta os níveis de segurança dos automóveis quando compram um novo carro”, complmentou o presidente da comissão diretiva do Latin NCAP, Ricardo Morales Rubio.



Tags: Renault, Kwid, Latin NCAP, colisão, segurança.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência