Automotive Business
Siga-nos em:

Notícias

Ver todas as notícias
Volvo XC60 volta ao páreo dos SUVs de luxo

Lançamentos | 17/08/2017 | 22h06

Volvo XC60 volta ao páreo dos SUVs de luxo

Nova geração está à venda em três versões, com preço inicial de R$ 235.950

MÁRIO CURCIO, AB

O Volvo XC60 está de volta ao páreo dos utilitários esportivos de luxo. O modelo mais vendido da marca sueca no Brasil e no mundo chega em três versões: Momentum, Inscription e R-Design. A empresa mantém até 31 de agosto os preços de pré-venda, que começam em R$ 235.950 e vão até R$ 266.950. A partir de setembro o menor valor sobe para R$ 239.950 e o maior, para R$ 269.950.

“Até o fim do ano venderemos cerca de 2,3 mil carros na soma do antigo e do novo. Em 2018 traremos também versões a diesel e híbridas”, afirma o presidente da Volvo Cars do Brasil, Luis Rezende. O utilitário esportivo produzido na Suécia já teve mais de 1 milhão de unidades entregues em todo o mundo. No Brasil ele deve motivar a ampliação da rede, que tem hoje 29 revendas (veja aqui).

Aqui no Brasil a Volvo considera como concorrentes diretos do XC60 o Audi Q5, o BMW X3, o Mercedes-Benz GLC e o Land Rover Discovery Sport, o mais vendido dos cinco e por isso o modelo a ser batido.

O novo carro foi concebido sobre a plataforma SPA, a mesma do XC90, já à venda no Brasil. Sua estrutura utiliza alumínio e quatro tipos de aço, que vão de alta a ultra-alta resistência. Essa arquitetura já nasceu compatível com modelos híbridos, mas neste primeiro momento o XC60 vem apenas com motor 2.0 turbo a gasolina de 254 cavalos. O câmbio é automático de oito marchas e a tração, 4x4.


Distância entre eixos agora tem 2,86 m (9 cm a mais) e melhorou espaço no banco traseiro. Acabamento pode ser claro como o das fotos, mas há também marrom, caramelo e preto.

De acordo com a montadora ele acelera de zero a 100 km/h em 6,8 segundos e atinge 220 km/h. A mudança de geração incluiu novas suspensões dianteiras e traseiras. Chamam a atenção a largura de 1,90 metro (11 cm a mais) e a nova distância entre eixos de 2,86 m (9 cm a mais). O comprimento aumentou apenas 4 cm e passou para 4,69 m. A altura foi reduzida em 5 cm e tem agora 1,66 m.

Todos os XC60 receberam a atualização do sistema City Safety. Mais do que parar o carro, ele inclui agora um assistente de direção que passa a atuar quando a frenagem automática sozinha não é suficiente para evitar uma colisão em potencial. Nessas circunstâncias o carro oferece assistência à manobra para evitar o obstáculo à frente. O City Safety pode evitar colisões contra veículos, ciclistas, pedestres e até animais de grande porte, atuando tanto de dia como à noite.

O SUV de segunda geração também recebe de série alerta de mudança de faixa, sistemas de proteção contra impactos laterais e lesões na coluna cervical, alerta de colisão frontal e sistema de monitoramento de pressão dos pneus. Também reúne recursos eletrônicos e características de construção (sobretudo dos bancos) capazes de reduzir lesões nos ocupantes caso o carro saia da pista.

Os novos faróis têm sistema automático de nivelamento (de acordo com a quantidade de passageiros e bagagem) e são autodirecionais, acompanhando em até 30 graus o movimento do volante. O facho alto tem sistema automático de redução de ofuscamento para quem trafega no sentido oposto.

Também são de série, desde a versão de entrada, teto solar panorâmico, ar-condicionado digital com duas zonas distintas de temperatura, central multimídia com Apple Car Play e Android Auto, tela de nove polegadas sensível ao toque (que funciona até se o usuário estiver de luvas), revestimento de couro, sensores dianteiros e traseiros de estacionamento mais câmera traseira, sistema Start-Stop e controlador automático de velocidade.


Teto solar panorâmico é de série desde a versão de entrada. Porta-malas comporta 505 litros. Quem vê as lanternas subindo pelas colunas logo percebe: é um Volvo.

As versões Inscription e R-Design oferecem ainda mais segurança com um sistema que ajuda a evitar colisões contra veículos vindos em sentido contrário, dando suporte automático à direção. Ele é ativado entre 60 e 140 km/h. Há ainda para Inscription e R-Design o alerta de pontos cegos e o controlador de velocidade adaptativo (ACC) com assistente de direção semiautônoma até 130 km/h, capaz de ajudar o motorista em certas curvas a partir da pintura das faixas no asfalto.

Todas as versões permitem a escolha de cinco modos de direção, que vão do mais pacato ao esportivo. Mas a Volvo continua econômica com as borboletas para trocas de marcha atrás do volante e só a versão mais cara, R-Design, recebe o equipamento.

A montadora estabeleceu preços fixos para as revisões de 10 mil a 60 mil quilômetros. Os valores vão de R$ 949 a R$ 3.499.

Veja abaixo os preços do XC60 até 31 de agosto:

XC60 Momentum – R$ 235.950
XC60 Inscription – R$ 256.950
XC60 R-Design – R$ 266.950

A partir de 1º de setembro:

XC60 Momentum – R$ 239.950
XC60 Inscription – R$ 259.950
XC60 R-Design – R$ 269.950

Para Pessoas com Deficiência (PcD):

XC60 Momentum – R$ 213.812
XC60 Inscription – R$ 232.841
XC60 R-Design – R$ 241.903



Tags: Volvo, XC60, SUV, Luis Rezende, Audi, Q5, BMW, X3, Mercedes-Benz, GLC, Land Rover, Discovery Sport.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência