Automotive Business
Siga-nos em:

Notícias

Ver todas as notícias

Lançamentos | 29/04/2015 | 22h30

Audi comemora 20 anos de RS no Brasil com dois novos modelos

Alemã prevê produção de 30 mil carros por ano no País até 2020

VICTOR FRANÇOIS, AB | De Mogi Guaçu (SP)

Atualizado em 30/04/2016, às 15h45.

A Audi comemora os 20 anos da vinda ao Brasil da linha superesportiva RS com a renovação de dois modelos, o RS 6 Avant e o RS 7 Sportback, que fazem parte da gama mais cara da montadora e custam, respectivamente, R$ 590.990 e R$ 624.990. A alemã se destacou em 2014 em meio à crise, quando subiu de quarta para segunda marca premium mais vendida no País e prevê fabricação em São José dos Pinhais (PR) de 30 mil carros por ano até 2020.

Os novos bólidos da Audi sofreram algumas alterações no design e mudanças nos faróis, grade e para-choques para ficarem com cara ainda mais nervosa. Ambos contam com propulsor 4.0 V8 biturbo de 560 cavalos, câmbio automático Tiptronic de oito velocidades, e chegam a 305 km/h de máxima, fazendo de zero a 100 km/h em apenas 3,9 segundos. Internamente os dois modelos passam a contar com melhorias nos shift-paddles, nas saídas de ar das aberturas de ventilação e, como novidade, projeção de informações como velocidade no vidro frontal (head-up display).


Audi RS 6 Avant, versão nervosa de station wagon, e Audi RS 7 Sportback, com longo capô do motor, colunas traseiras fluidas e forte inclinação na traseira

O alemão Jörg Hoffman, presidente da Audi no Brasil, celebra os resultados do ano anterior com a projeção de números grandiosos para a marca nos próximos cinco anos. “Dobramos nossas vendas e além de sermos a montadora que mais cresceu em 2014 também dobramos a capacidade de nosso Centro de Distribuição“, comemora o executivo. Já o objetivo de expansão da rede de concessionárias tem prazo mais curto. “Até 2017 teremos 66 lojas. Em 2015 chegamos a 50 espalhadas pelo País”, diz Hoffman.

A Audi começa a fabricar no Brasil antes das previsões iniciais e, em setembro deste ano, seu sedan mais básico, o A3, estará na linha de produção compartilhada com a Volkswagen, em São José dos Pinhais, seguido do crossover Q3, um dos premium mais vendidos no País em 2014, que tem previsão de começar a ser produzido no primeiro trimestre de 2016. O investimento total na produção brasileira é de R$ 500 milhões.



Tags: Audi, Audi RS, Jörg Hoffman, RS 6 Avant, RS 7 Sportback, RS 6, RS 7, RS6, RS7.

Comentários

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência
У нашей компании классный интернет-сайт , он рассказывает про магазин матрасов киев.
У нашей фирмы авторитетный портал про направление SSD диски для ноутбука.
Узнайте про популярный портал , он описывает в статьях про Битумная черепица Docke Льеж http://eurobud.com.ua