Automotive Business
Siga-nos em:

Notícias

Ver todas as notícias

Carreira | 23/07/2014 | 12h24

Peugeot anuncia novo diretor geral no Brasil

Miguel Figari assume no lugar de Frédéric Drouin, designado para a Suíça

REDAÇÃO AB

Desde 1º junho, a Peugeot tem novo diretor geral para o Brasil: Miguel Figari assumiu o cargo no lugar de Frédéric Drouin, que liderou a companhia no País desde 1º de janeiro de 2012 e agora designado para a Suíça pelo Grupo PSA Peugeot Citroën. Antes, Drouin foi diretor de marketing da Peugeot no Brasil entre 1997 e 2000 e presidente do Banco PSA Finance para a região, entre 2008 e 2010 (leia aqui).

“É com orgulho que assumo esse grande desafio. Continuaremos desenvolvendo a marca Peugeot com o lançamento de automóveis cada vez mais modernos e seguros. Avançaremos, ainda, na qualidade dos serviços prestados na rede como uma maneira de fidelizar nossos clientes.”, afirma Figari, que se reportará diretamente ao presidente da PSA Peugeot Citroën na América Latina, Carlos Gomes.

De origem chilena, o Figari acumula 19 anos de experiência na indústria automobilística e atua na Peugeot desde 1999, quando começou como diretor de vendas e rede, função que desenvolveu até dezembro de 2003 no Chile. No ano seguinte, foi para o México com o compromisso de assumir este mesmo cargo, no qual permaneceu até agosto de 2007. Entre 2008 e 2009, foi líder das diretorias regionais e de peças e serviços na Espanha.

No fim de 2009, Figari retornou a seu país natal, como diretor comercial até janeiro de 2012, quando assumiu a direção geral das duas empresas do Grupo PSA no Chile: a importadora Peugeot Chile e a Automotores Franco Chilena, onde esteve até então.



Tags: Peugeot, Miguel Figari, Frédéric Drouin, presidente.

Comentários

  • Emerson Santos.

    Bom dia, Fico muito satisfeito com essa mudança, já que trabalho em uma concessionária Peugeot e sei bem a necessidade de mudanças na rede de concessionárias e támbem com lançamentos de novos modelos na marca.

  • wilson correa

    Não adianta trocar a diretoria da Peugeot enquanto os carros continuarem sendo péssimos. Bonitinhos mas ordinários. Tenho um 207 Passion 2014 2014 que maios fica na oficina do que andando. Se não bastasse a qualidade do carro o atendimento nas concessionárias só deixam o propriotário mais indignado ainda.

  • Rubem Ramos

    Apeugeot é uma bomba,comprei um carro zero e já abriram o motor e não descobriram o defeito em um carro 2017 com 150KM rodados hoje faz exatamente 31 dias e ninguém dar se quer uma resposta, mod.2008.SOCORRO

Conte-nos o que pensa e deixe seu comentário abaixo Os comentários serão publicados após análise. Este espaço é destinado aos comentários de leitores sobre reportagens e artigos publicados no Portal Automotive Business. Não é o fórum adequado para o esclarecimento de dúvidas técnicas ou comerciais. Não são aceitos textos que contenham ofensas ou palavras chulas. Também serão excluídos currículos, pedidos de emprego ou comentários que configurem ações comerciais ou publicitárias, incluindo números de telefone ou outras formas de contato.

Veja também

AB Inteligência
imagmagnetsns.ua/magnitnyj-vinil/polimernoe-mjagkoe-zhelezo.html

here

подробно avrora-trans.com